E AGORA…

  Abrem-se-me fendas na retina Lâminas em jihad sangrando a dor Cravada no ventre até ao cabo – É o meu destino no vasto Moçambique?