O País – A verdade como notícia

Restos mortais de Rogério Mariani foram a enterrar

Foram hoje a enterrar os restos mortais do treinador do Desportivo de Maputo, Rogério Mariani, que perdeu a vida na última sexta-feira, vítima de ataque cardíaco.

Amigos, familiares e desportistas curvaram-se, na manhã de hoje, a Rogério Mariani que, na última sexta-feira, teve uma morte súbita. O local escolhido para o último adeus foi o pavilhão Lurdes Mutola que acolheu pouco mais de 150 pessoas.

Rogério Mariani morre numa altura em que o Desportivo não treinava há duas semanas devido às más condições de trabalho, como falta de salário. Por via disto, a esposa vinha exercendo pressão para que o técnico regressasse a Portugal, mas sempre recusou até que veio a perder a vida trabalhando para os seus, como descreve a família.

“Rogério sempre foi um homem batalhador, dedicado em prol do bem da sua família”, descreveu-lhe o representante da família, na leitura do elogio fúnebre.

O Desportivo de Maputo tinha, em Mariani, um homem comprometido com a causa do clube e disposto a manter a mística alvi-negra.

“O mister Mariani sempre demonstrou vontade de trabalhar. Era uma pessoa comprometida com a mística do clube e focada na formação”.

Rogério Mariani chegou ao Desportivo em Dezembro de 2020, para substituir Dário Monteiro.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos