O País – A verdade como notícia

Kendal Manuel disponível para continuar a representar Moçambique

O  internacional basquetebolista moçambicano, Kendal  “Kedinho”  Allen Manuel diz estar disponível para voltar a representar a selecção nacional sénior masculino  e ajudar a mesma a fazer uma boa campanha nos próximos compromissos ao nível continental.

Foi uma surpresa agradável no primeiro contacto com o basquetebol africano, no geral, e moçambicano, em particular, depois de várias  épocas com actuações de encher o olho e aura de glória na NCAA, liga universitária de basquetebol dos EUA.

Aliás, depois da primeira experiência na selecção nacional na segunda janela das eliminatórias para o Mundial de Basquetebol da China, realizada em Dakar, Senegal, em 2019, o base armador apresentou “targets” que atestam a sua competência na quadra: três jogos, 65 pontos, o que perfaz  uma média de 21.7 pontos/jogo, mesma marca alcançada porJordan Nwora da Nigéria.

O fillho de “Potolas” estreou-se na arena de Dakar, envergando a camisola 2, com 14 pontos, mas não evitou a derrota dianteda Costa do Marfim, por 62-45.  Dia seguinte, mais uma exibição de gala: 19 pontos em 39: 03 minutos na quadra diante da RCA, terminando o jogo com 17 lançamentos de campo (35.3 porcento), 4 em 4 lançamentos livres (100 porcento) e 3 em cinco lançamentos de dois pontos (60 %).

Finalmente, frente ao gigante Senegal, Kedinho contabizliou 32 pontos em 37:12 minutos em campo, concretizando nove em 20 lançamentos de campo (45%), nove em nove lançamentos livres (100 %) e cinco em nove tiros exteriores (55.6 %).

Estas exibições fazem-no acreditar que pode ser uma mais valia para a selecção nacional, cuja estrutura, defende, faz transpitar um futuro risonho.  “Sou abençoado por ter representado meu o país. O meu objectivo é estar disponível para jogar em todas as competições que posso, porque sei que posso inspirar a próxima geração de jogadores moçambicanos e continuar a mostrar ao mundo que temos talento em Moçambique”, frisou o basquetebolista.

Agora, o  compromisso é mesmo com  o Liberbank Oviedo Baloncesto  da Espanha. Uma outra realidade do basquetebol, não só por ser profissional mas também pelas suas exigências. Kendal Manuel não está, nem tão pouco, assustado com a nova experiência.

“Acho que minha integração no basquetebol profissional na Espanha será uma transição normal. Na minha equipa,  nos EUA,  jogamos como conjunto e com um  sistema muito parecido com as formações da Espanha. Então, acho que estou pronto para a próxima etapa na Espanha”, notou.

E no novo desafio que abraça, há quem já lhe atesta qualidades e projecta ganhos desportivos para o Oviedo:

“Estamos felizes em anunciar a chegada de Kendal Manuel à equipe. É um jogador que vem ocupar a posição de base-amador, mais um estreante da NCAA, um jogador muito jovem que vai ter connosco a sua primeira experiência profissional em Espanha, pelo que teremos de correr esse risco de adaptação, de mudar as nossas ideias e o nosso estilo de basquete, mas como vimos dizendo é o que tivemos este ano e com o qual estamos trabalhando com muito conforto e com muito entusiasmo”, disse Héctor Galán, Director Geral do Oviedo Club Baloncesto em entrevisat ao sítio oficial do clube.

Kendal Manuel iniciou a sua carreira na NCAA, no Oregon State University, instituição a qual representou durante duas temporadas. Depois, transferiu-se para a University of Montana.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos